quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Bate outra vez
Com esperanças, o meu coração
Pois já vai terminando o verão,
enfim.
Volto ao jardim
Com a certeza que devo chorar
Pois bem sei que não queres voltar
Para mim.
Queixo-me às rosas,
Mas, que bobagem, as rosas não falam
Simplesmente as rosas exalam
O perfume que roubam de ti,
 ai
Devias vir, para ver os meus olhos tristonhos
E quem sabe sonhavas meus sonhos
Por fim.
Devias vir, para ver os meus olhos tristonhos
E quem sabe sonhavas meus sonhos
Por fim

As rosas não falam - (1976) - Samba-Canção
Cartola ( Angenor de Oliveira )

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário

Receba atualizações no Email.

Pesquisar sobre

Quem sou eu

Minha foto
Aos 34 anos, sagitariana com ascendente em capricórnio (discordo, mas fazer o quê?!), do Rio de Janeiro (com louca vontade de morar num lugar tranquilo), estudante de psicologia (mas cheia de problemas de cabeça. rsrrsrsrs), mãe e pai da pequena Bia, de 5 anos. E esse blog fala da nossa trajetória, dos meus sentimentos, minhas muitas lamentações, etc.

Seguidores

Tecnologia do Blogger.