sexta-feira, 14 de junho de 2013
Ôô, inspiração, cadê você???

Nossa, demorei um zilhão de tempo pra descobrir o que eu iria postar aqui. Estou me roendo de vontade de escrever, mas não sabia sobre o quê. Minha mente anda meio angustiada com algumas coisas, meio confusa, totalmente ansiosa e, por isso, as ideias não estão em ordem pra serem transferidas para o computador.

Mas, em algum lugar por aí, vi a palavra desfralde! Xeque-mate! Vou escrever sobre isso! Afinal, quer momento mais propício??

Enfim, comecei a passar por esse processo, afinal, isso é um PROCESSO. Leva tempo. Requer paciência. Ai, aliás, que palavrinha insistente. Tudo na vida requer paciência e na minha vida então!! Aff!!

Minha menina está fazendo xixi e cocô no vaso na creche e em casa usa o penico. Mas está viciada em sentar no penico. Diz que vai fazer xixi e não faz. Aí quando levanta diz que fez cocô e xixi. Fez nada. rsrsrrss. De 2 em 2 minutos senta e fala a mesma coisa. Acho que ela está achando o máximo essa descoberta de peniquinho. E eu estou adorando a ideia de comprar menos fraldas. A creche mesmo falou que posso mandar apenas 2 por dia, uma pra dormir de tarde e outra pra vir embora e não acontecer nenhum "acidente" dentro do transporte escolar. Ela já chega da creche tirando a roupa toda.
De noite, acorda às vezes molhada e me chama: Mamãe, fez xixi. Tá molhada. Aí eu troco a fralda. 

Me dá muito orgulho ver que minha filha está se desenvolvendo tão rápido! Rápido até demais! Se acha adulta, independente. Bem que dizem que filho de sagitariano aprende ser independente cedo, querendo ou não. Porque o sagitariano é muito independente (ou pelo menos tenta ser) e cria os seus filhos pra serem menos dependentes possível.

Ela está muito inteligente. Já conta de 01 até 10 e nem fez 2 anos ainda! rsrsrrs. Que orgulho!

Às vezes dá um trabalhinho, porque faz xixi e cocô no chão e tenho que limpar correndo, porque minha querida cachorrinha adora comer o coco da minha filha, então não posso dar bobeira. Depois de limpar o chão tenho que lavar minha filhota.

Mas ainda assim, é melhor. Menos dinheiro gasto com fraldas na minha vida. Ufa! Não via a hora!

Beijos e sucesso!


sexta-feira, 24 de maio de 2013
   

Estou tão longe do meu querido blog! Nossa! Sinto falta, realmente. Mas têm épocas que fico tão sem inspiração...

    Estamos bem, eu e minha menina levada. Estamos seguindo a vida. 
Eu estou "namorandinho" agora e tentando fazer dar certo e desejando que seja um relacionamento diferente de todos os que já tive. 
Minha menina está realmente muito levada, da breca mesmo! Vive me chamando de feia, "horrolosa", coisas da creche. Canta lek, lek, lek e muitas músicas infantis in-tei-ri-nhas! Coisas da creche também. Tá um pouco rebelde, não gosta de beijar, abraçar - só crianças, que nem precisam pedir. Minha baby cresceu, vai fazer 2 anos no mês que vem!

    Em julho/agosto estarei de férias e estou pensando em fazer uma viagem e/ou uma lipo. Meu namorado tem um filhinho de 3 anos e é pai solteiro. Minha vontade é de sair por aí levando as crianças para viajar e se divertirem...

    Sei que muitas mamães vêm por aqui, mesmo com o blog abandonado. Fico muito feliz com os comentários delas e também das pessoas que não passaram pela maternidade ainda, mas querem passar.

    Bem, o que quero de vocês, é uma ajudinha pra escolher nosso destino. Estou pensando em um local onde tenha espaço para crianças se divertirem, correrem, brincarem, tomarem banho de piscina se tiver um solzinho num desses dias da viagem... Não sei se iríamos em julho ou em agosto, porque quero também fazer um lipoaspiração, mas ainda estou pra decidir. Pode ser um hotel fazenda, uma casa, um sítio, etc. Porém, como passaremos alguns dias, existe a necessidade do local ter dormitórios, então clubes estão descartados. 
Aceito opiniões de todos os Estados do Brasil e se tiverem site para que eu possa ver fotos e tarifas, melhor ainda.
    Vocês me ajudam? Sei que posso contar com a ajudinha de vocês.
    Um grande beijo e até o próximo post.
sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013


Não. eu não consegui o que queria. eu não queria nada. mas aconteceu. e depois eu queria ver que não estava sozinha. que o homem que um dia amei, ficasse do meu lado nas horas tristes, de choro, em que precisei dele. e que nas horas felizes, de orgulho, comemoração, entusiasmo, recompensa, ele também estivesse aqui. o que eu queria era que minha filha tivesse UM PAI que a amasse, ensinasse, que risse de suas gracinhas, que ajudasse a levantar quando ela caísse, brigasse quando necessário, parabenizasse, elogiasse, acompanhasse… o que eu queria era um marido ao meu lado, pra alisar minha barriga de grávida…. sentir o coração batendo descompassado ao ver a imagem do nosso bebê na ultrassonografia… chorar quando ouvisse o primeiro choro de nossa filha… sorrisse quando visse seu rostinho, tão parecido com o seu… 
putz! nossa filha não tem nada de mim fisicamente! é a sua cópia!! ela é tão divertida, alegre, sorridente, linda, tem um jeito tão meigo, uma simpatia… mas é tão teimosa, pirracenta, comilona. rsrsrs
eu não consegui o que queria, não. eu não queria te prender. eu não queria dinheiro. eu não queria que fosse assim. aconteceu. e hoje eu tenho a maior maravilha do mundo: a minha filha.
tudo bem. você não quer… vá. vá. continue aí, tão longe. viva a sua vidinha da forma que você desejar. se está feliz assim… vá. “a porta sempre esteve aberta.” ninguém te segurou. ninguém aqui fez nada pra te segurar. te prender. te ferrar. te fazer sofrer. mas você prefere pensar assim. então, vá! mas me deixe em paz. deixe meu nome quieto. não conte mais histórias sobre mim. não fale mais mentiras sobre mim. você não sabe o que eu senti, o que eu sinto. ninguém sabe. ninguém deveria me julgar. mas julgam. e eu não ligo pro que os outros dizem. mas eu ligo pro que você diz aí sobre mim. porque um dia, um dia, minha filha pode ouvir isso e se sentir triste. e o que estiver ao meu alcance pra evitar que minha filha se entristeça, eu farei. e sei também que muitas coisas vão ser inevitáveis. uma delas é o sentimento de rejeição que ela poderá sentir em relação a um pai que não a amou. isso eu não vou poder impedir. mas vou amá-la por nós dois. já a amo por nós dois. é um sentimento que não cabe no meu peito. rola pelos olhos. 
eu não consegui o que queria. eu não queria nada na época. apenas ser amada. apenas ter um amor sincero, honesto, carinhoso. e nada disso tive. pra que então inventar um laço que iria nos unir pra vida toda, contra sua vontade? não quero que ninguém fique comigo por pena, por obrigação. e você não seria um desses. não aceito migalhas de ninguém. já aceitei, não nego. mas eu cresci. cresci não na idade somente. cresci por dentro. as dificuldades nos fazem crescer, amadurecer, às vezes até esfriar, ensurdecer, entristecer, mas crescemos. de um jeito ou de outro.
o que importa agora é o que quero. quero viver em paz. quero o sorriso diário da minha menina. quero a felicidade estampada no rostinho sublime dela. quero suas gargalhadas mais gostosas. o carinho que ela tem sempre pra me dar. eu preciso dela e ela precisa de mim. nós precisamos de Deus, que nos fortalece. e junto estamos com a nossa família. nossa família que tem base, estrutura, A-MO-R. não é uma família onde as pessoas desconfiam das outras, onde há gente que não fala com gente. onde há homens negando filhos, pedindo DNA. claro, tem lá seus defeitos, já que é uma família formada de seres humanos. e seres humanos vivem errando. mas é uma família. e ela nos ajuda. estará por perto quando precisarmos. e acho que era isso que eu queria de você. somente. vá. vá. ou fique onde está. dá no mesmo…
NIVIA F.
segunda-feira, 21 de janeiro de 2013
Ufa!

Estive rascunhando esse post há dias. Até que enfim consegui terminar... Já nem é mais início de ano. rsrsrsr

No ano passado, como em todos os outros, tive muitas alegrias e algumas tristezas... Resolvi postar aqui algumas fotos que marcaram o meu ano... É claro que a gente não sai por aí tirando foto de coisas tristes e nem das nossas próprias caras tristes... Então, é claro que são os melhores momentos é que entrarão aqui.
Nem estão na ordem cronológica.



Uma montagem que fiz com minha Bia, desejando um feliz 2012
 para todos, cheio de amor, saúde, sonhos, realizações, etc!



Aqui estávamos em SAQUAREMA, um lugar que gosto muito
 (situado no Rio de Janeiro, na Região dos Lagos), onde fui feliz em alguns momentos.
Eu e Bia


Aqui (nas duas fotos acima e nessa do lado) estávamos no Campo de São Bento, em Icaraí. 
Volta e meia levo Bia lá.
Onde pode-se ver muitas crianças brincando no parquinho, 
pessoas fazendo caminhada, idosos admirando a paisagem 
e até uma feirinha de artesanato nos finais de semana. Muito agradável. Bia adora. 


Esse ano fizeram uma festinha surpresa pra mim (as duas fotos acima), 
no dia do meu aniversário (07/12).
Senti-me feliz, fazendo 30 anos e me sentindo importante. 
À direita minhas colegas de trabalho e à esquerda os Ortopedistas Residentes do Hospital em que trabalho. Sou secretária da Ortopedia e da Urologia.
Nada como nos sentirmos importantes, não é?


Esse ano, Minha menina fez 01 ano (25/06)! Como foi linda a festa, apesar de simples! Contei com a ajuda da família, mas muita coisa comprei e fiz sozinha e isso me dá muito orgulho, porque, afinal, é difícil fazer uma festa, mesmo que simples, sem ajuda financeira de outra pessoa (do pai, quero dizer). 
Sorte que a Bia é muito amada e as pessoas colaboraram...






Duas frases que postei em 2012... Desejos meus... O destino vive me surpreendendo, mas quem decepciona são as pessoas e não o destino... E desejei ter a sorte de encontrar um amor tranquilo... MAS AINDA NÃO FOI DESSA VEZ. No finalzinho do ano encontrei uma pessoa, mas não foi um início nada tranquilo e, com certeza, não seria um amor assim... Deixa pra próxima!




Minha Bia na Praia. Ama praia. Ama o mar. Puxou à mãe...
As duas fotos de cima, são mais recentes. 
A da piscininha foi bem no início do ano, Bia era novinha...



Ri muito com essa imagem que alguém postou no face em 2012. hauhauahauaha





Essa imagem fala muito do que eu penso. 
As pessoas andam muito frias, individualistas, egoístas...
Uns se dizem evangélicos, católicos praticantes, outros batem no peito se dizendo espíritas e gritam que fazem caridade... Mas esqueceram o mínimo que deveriam defender:  O "Obrigada", o "Por favor", o 
"Desculpe", "me perdoa", "eu te perdoo"... etc. Isso não deveria depender de religião, mas a religião poderia amansar os corações para que isso não se perdesse.
É um bando de gente orgulhosa por aí, que não quer dar o braço a torcer pra nada, mas quer ser procurado, respeitado, perdoado...
Só "Venha à nós".
O "Nosso Reino", nada.


Tempo bom esse... Gostava do meu trabalho na loja WebMomentos. 
É uma loja de produtos personalizados e Havaianas.
Cada lembrancinha linda para festas... E amo isso!



Eu e Bia passamos o Reveillon 2011/2012 num sítio lindo. 
Pena que estava chovendo...



Passeio à linda Saquarema.... Estava com um pessoal muito legal, uns amigos do meu ex. 
Pena o namoro acabar e perdermos o contato...


Show da Preta Gil, no Bar do Meio. Com minha preta + linda, Lili... 
Minha prima do coração...



Mensagem que mandei para o pai da Bia, no DIA DOS PAIS.






Hora do banho... Delícia!! Isso foi no início do ano...



Bia ainda ficava deitadinha no berço...


E aí está nossa retrospectiva 2012... Dias maravilhosos! 
Agradeço a Deus por ter minha filha ao meu lado e me trazer tanta alegria...
Não sou mais sozinha...

segunda-feira, 14 de janeiro de 2013
    Oie, gente linda!

    Hoje resolvi fazer um post bem legal... A ideia não foi minha, confesso. Andando por blogs, vi um post parecido e resolvi incrementar...

    Sei que pouca gente tem vindo aqui me visitar e comentar, porque o blog está bem parado, as postagens estão escassas e eu não tenho ido a outros blogs para comentar... Mas esse ano quero mudar isso. Quero voltar com força total... Aliás, esse post fala disso.
    Vamos começar assim: Vocês me mandam por email O QUE PRETENDEM REALIZAR, SER OU O QUE DESEJA NO ANO DE 2013. JUNTO COM ISSO, ME MANDEM ALGUMAS CARACTERÍSTICAS PESSOAIS, AS BOAS E RUINS... E MAIS: O LINK DO SEU BLOG E SOBRE O QUE O BLOG FALA.


    Vou fazer uma postagem que vai conter tudo isso e clicando no seu nome, a pessoa será direcionada para o seu blog. Isso vai fazer com que seu blog receba mais visitas e com que façamos mais amizades! Gostou? Vou dar um exemplo de como vai ficar...
                                  _____________________

    NIVIA - Mãe solteira, secretária hospitalar, 30 anos, sagitariana com ascendente em sagitário (!), mora no Rio de Janeiro. Ama livros, música, praia, cinema, fotografia. Gosta dos cachos do seu cabelo. Odeia injustiça, ver criança sofrendo, falta de educação, gente que só fala e não quer ouvir, egoísmo, por isso  às vezes enjoa de gente, mas logo passa... (como Clarice Lispector). Com o tempo, foi se tornando mais fria do que quente, mais sensata do que impulsiva, mais alegre do que triste, mais MÃE do que MULHER. Mas ainda continua sendo mulher.


    Em 2013, ela "se" desafia a voltar a fazer coisas que te causam saudades: Ir ao cinema, mais vezes à praia, ler mais livros, ouvir e cantar mais músicas... Espera fazer sua tatuagem, começar uma terapia e morar sozinha com sua filha...

    NIVIA escreve no blog Mulher e Mãe: Solteira, que fala de sua trajetória como mãe/pai de Anna Beatriz e também dos seus desejos e anseios de mulher, embora às vezes tenha que deixar esse lado mulher de lado, para apenas ser MÃE. O namoro não estava mais dando certo e, além disso, o pai não quis assumir a cria. Até hoje, ela procura sua "alma gêmea" pra que um dia possa deixar de ser solteira e mudar o nome do blog! 

                                           ______________
                                                                                         
Viu, como ficou? Fiz uma descrição de mim mesma e do meu blog. Clicando em meu nome, você é direcionada para o meu próprio blog. Agora faça suas declarações e mande pra mim por email: nivia.trindade@hotmail.com. Não precisa ser na mesma ordem que eu usei. Use a sua imaginação... Vai ser legal! 

E aí, o que você deseja em 2013???


*Obs: Por um único motivo, desconsiderem esse post. As pessoas não acharam interessante o post ou a postagem que seria gerada através deste.
sexta-feira, 11 de janeiro de 2013
Uau! Duas postagens em apenas um dia!! Tô inspirada hoje!! hehehehe

Ontem terminei de ler um livro: 

FEIA, A HISTÓRIA REAL DE UMA INFÂNCIA SEM AMOR.


QUASE DESISTI DE LER O LIVRO, LOGO NO INÍCIO. Por ser muito triste. Mas no final, é uma lição de vida.

É uma auto-biografia, onde Constance Briscoe, que hoje é uma das pessoas mais respeitadas em seu país, conta como deu a volta por cima, mesmo tendo sido maltratada por sua própria mãe durante a infância toda. Enfrentou fome e sede, solidão, maus tratos e preconceito de amigos e familiares.

Clare tinha enurese noturna (distúrbio em que a criança faz xixi durante a noite) e sempre viveu sob as ameaças e surras de sua mãe. Ao longo dos anos, diferentemente do que ocorria com suas irmãs e irmãos, ela era espancada e humilhada todos os dias, tendo que trabalhar desde os 12 anos para se sustentar. De simples puxões de cabelo e xingamentos a chutes na barriga, socos na cara e queimaduras com ponta de cigarro e ferro quente, ela agüentou firme por mais de uma década a convivência com sua mãe, ao ponto de ter que fazer uma cirurgia nos seios para retirar caroços que surgiram decorrente dos espancamentos. No fim, ela ficou abandonada em uma casa antiga, sem luz, água e comida.

A vida de uma menina que conviveu com uma mãe cruel, um pai ausente e irmãs omissas, enfrentando tudo e todos para alcançar seu maior sonho: ser advogada. E assim foi.
É um livro surpreendente.

Fiquei impressionada com tudo o que ela relatou no livro e, agora que terminei de ler, fui pesquisar um pouco sobre a vida dessa mulher. Tudo é tão incrível, que às vezes parece ficção, mas é uma auto-biografia, logo é um relato da vida dela. é simplesmente muito difícil de acreditar que uma MÃE possa fazer tudo o que fez com ela. No final das contas, você fica com ódio dessa mãe, mas vê que a autora tinha tudo pra ser uma péssima pessoa e deu a volta por cima!

Incrível!



Tem uma entrevista da autora aqui.
    Olá! Resolvi dar uma passadinha rápida aqui para falar de um assunto que eu já tinha abordado antes: 
O TÃO TEMIDO SIBUTRAMINA.

   Uma menina me procurou no meu face e me deixou uma mensagem me perguntando sobre o remédio e seus efeitos... Ela quer tomar, mas tem medo.
   Olha, não incentivo ninguém a tomar. Não mesmo. Eu assumo os riscos de tomar esse remédio sem ao menos me consultar com um Endocrinologista. Tomo por minha conta e risco!! EU vou pagar pelas conseqüências e, como disse num post uma vez, ele faz mal, sim, por uns efeitos colaterais que causa. Efeitos que senti no início e depois passaram... Mas eu aguentei firme e forte, porque eu queria era E-MA-GRE-CER e quem disse que emagrecer seria fácil? Nem fazendo só dieta é fácil! Nem fazendo musculação ou qualquer outra atividade física é fácil. Tudo é sacrifício. Mas eu, há tempos, desisti de ficar só controlando o que como... quero emagrecer rápido e pronto! E o Sibu me ajuda nisso, mesmo que me atrapalhe em outros pontos...

   Eu tomei Sibu durante meses e emagreci 10 kg. Depois parei, porque meu organismo se acostumou e eu não estava mais emagrecendo...
   Agora, depois de uns 3 meses, voltei a tomar... Comecei dia 08/01 e já me pesei e perdi quase 01 quilo!! Em 3 dias!! Ele é muito bom, emagrece mesmo.
   Porém, nem tudo são flores. Eu senti (das outras vezes que tomei) taquicardia, secura na boca, cansaço extremo ao subir poucos degraus, irritação enorme, etc. Acho que o pior é a irritação e o taquicardia. Assusta um pouco no início. Tem que verificar SEMPRE a pressão, PORQUE ele pode causar hipertensão e, com isso, outros problemas... Não tive esse problema, porque minha pressão é baixa demais... Mas, mesmo assim, quando sinto uma coisa diferente, corro pra verificar a pressão.
   Então, como tudo na vida, ele tem seu lado bom e ruim... Já quando você vai ao médico, ele controla isso tudo. Seu peso, sua pressão, tireoide, etc. Isso se o médico quiser receitar, né? Porque tem uns que só passam dieta e nem querem passar o Sibu mais.
   Eu tomo sem ir ao médico agora. Risco enorme. Mas eu assumo os riscos, porque não tenho mais plano de saúde pra ficar todo mês indo ao médico e não quero ir no SUS, embora trabalhe no SUS (muito difícil arrumar consulta no meu próprio emprego). Me sinto mal às vezes, mas pelo menos tô magra! Huahauahauhaua Aguento firme!
   Tem uma colega de trabalho me pentelhando pra eu dar uns comprimidos a ela, somente pra ela ver se passa mal ou não e depois comprar, se tudo der certo. MAS... ELA TEM PROBLEMAS DE CORAÇÃO. Ela já tem muito taquicardia. Eu vou incentivar?? Ela não é gorda, tem apenas uma barriguinha que dá pra disfarçar, poderia malhar, tem horário disponível. EU NÃO TENHO. Tenho minha baby pequena, que chega da creche às 18:30 hs e eu preciso estar lá pra recebê-la no transporte escolar. E já acordo às 5 da manhã, pra pegar o ônibus cheio às 6 e chegar no trabalho às 7:30 hs. Não tenho horário pra malhar. O jeito que vejo no momento é o remédio. Por isso, não vou incentivá-la a isso. Ela poderia malhar.
  Só que também não vejo esse mal todo que as pessoas falam. Pelo menos, não comigo. Cada um é cada um. Cada organismo é de um jeito. Uns aceitam bem, outros não. Eu tentei, arrisquei e deu certo.
   Outra coisa: Essa história de que depois que você para de tomar o remédio, engorda tudo de novo, é mentira... EU ACHO. O remédio inibe seu apetite. Quando você come, te dá uma sensação rápida de saciedade, então você passa a comer pouco. Às vezes, você sente fome, mas não sente vontade de comer nada. E isso pra mim é ótimo. Então, quando você para de tomar o SIBU, é claro que seu organismo volta ao normal e você passa a ter fome de novo, normalmente. E daí o que você faz?? TRAÇA TUDO?? Negativo!! Se controla!! Aí, é outro sacrifício que você tem que fazer. O mesmo que você faz quando está fazendo UMA REEDUCAÇÃO ALIMENTAR. SA-CRI-FÍ-CI-O! Já viu alguém conseguir emagrecer sem sacrifício, a não ser que esteja doente?? Eu não vi. Então, se te der fome de novo e você comer tudo o que tem vontade, vai acontecer o quê? Xiiiiiii, vai embaleiar!!! É!! E colocar a culpa no remédio??? Não existe uma substância na fórmula do SIBU que fique no seu organismo mesmo depois de você parar de tomá-lo, que faça você engordar tudo de novo. VOCÊ é que tem que controlar a fome e vontade de comer. É o que eu faço e não engordei nem um quilo, quando parei de tomar. Simplesmente estagnei e não emagreci mais nem um grama.
   Antes de engravidar já tomei o SIBU também. E só engordei muito na gravidez, porque eu achava que eu tinha direito de comer tudo, porque eu ESTAVA GRÁVIDA! "Poxa, tô grávida! Tô comendo por dois! Preciso de alimentar! Meu filho não pode nascer com cara de pastel, né? Então vou comer quantos eu quiser!!!" Nããããããão!!! Estava errada. Ganhei 6 quilos em um mês. E, mesmo assim, engordei só 13 ao todo. E olha que os 13 não foram só na gravidez. Durante a gravidez engordei menos, não sei quanto. Só que uns meses depois de ter tido bebê, fui ao médico e estava com 13 kg a mais do que antes de engravidar. Sinal de que engordei esses 13 kg durante e depois também. Tem gente que engorda 20, 30, etc... Então, a culpa não foi do SIBU. Foi minha. EU ASSUMO. Depois da gravidez, comia muuuuuito mais! Muito doce. Muito mesmo. A ponto de eu achar que não iria suportar se não comesse um doce depois da comida. Deu no que deu.

Aff, vou me despedindo. Ia dar só uma palavrinha nesse post, pela pergunta que me fizeram... Mas desandei a falar!! SOU ASSIM. Hehehehehehe

08/01  a 11/01 - 3 dias - menos 800 gramas

PRECISO FICAR COM 65 KG  E ESTOU COM 67,500 KG. FALTA POUCO!

E depois, rumo à LIPO!!!

Beijos mil!!









sexta-feira, 4 de janeiro de 2013
Meninas do meu Brasil Varonil!

Espero que o Reveillon de vocês tenha sido maravilhoso! 
O meu não foi tanto assim, mas valeu à pena ver os fogos na praia... 
Amo ir à praia no Reveillon...

Desejo que o ano de 2013 seja muito produtivo pra nós, que possamos cumprir com nossos objetivos,
alcançar metas, sonhar, etc...

Sucesso!!!
E costumo desejar sucesso, porque ele engloba tudo:
- SAÚDE
- DINHEIRO
- AMOR
- PAZ
- ALEGRIA
- E TUDO O MAIS QUE DESEJARMOS!

SUCESSO A TODAS!



quarta-feira, 2 de janeiro de 2013
Bia trouxe da creche antes do Natal, esse trabalhinho lindo, com a fotinho dela.
 Nossa, fiquei super feliz e emocionada. 
É claro que não foi feito pelas mãozinhas dela ainda, 
mas ela sabe que simboliza o Natal, 
porque ela vê o trabalhinho em cima da cômoda, aponta e diz: "TATAL". 
Quer que eu dê pra ela brincar, mas ela já tirou essas bolinhas umas 3 vezes 
e eu colei de volta... rsrsrsrs. Sapeca que só!
Vou guardar com todo carinho até que ela cresça e veja...



Receba atualizações no Email.

Pesquisar sobre

Quem sou eu

Minha foto
Aos 34 anos, sagitariana com ascendente em capricórnio (discordo, mas fazer o quê?!), do Rio de Janeiro (com louca vontade de morar num lugar tranquilo), estudante de psicologia (mas cheia de problemas de cabeça. rsrrsrsrs), mãe e pai da pequena Bia, de 5 anos. E esse blog fala da nossa trajetória, dos meus sentimentos, minhas muitas lamentações, etc.

Seguidores

Tecnologia do Blogger.