sexta-feira, 4 de março de 2011



Não é nada bom, definitivamente, passar os fins de semana à noite, sozinha, na internet, relendo textos ou no orkut, ou num msn vazio...
É estranho como em um momento você tem alguém e no outro não.
Não falo da morte, o que poderia caber aqui, mas falo de pessoas que num dia você compartilha idéias, sonhos e depois passam a se tratar como estranhos.
Ás vezes acontece algo inusitado e param de se falar, outras vezes deixam acontecer e isso vai transformando tanta gente em lembranças, em papel velho, em pensamentos apagados.
Deixamos as pessoas "se apagarem" e as pessoas nos deixam cair no esquecimento.
Quantas pessoas incríveis eu perdi? De certo, inúmeras, de certo, várias.


Quanta saudade de pessoas desaparecidas, quanto falta me faz ter que escolher o que vou fazer no fim de semana, quanta falta me faz estar rodeada de amigos ou de estar abraçada à alguém numa bela noite de sábado....


À essa altura, em outros tempos, estaria viajando por esse mundão à fora pra curtir o carnaval bem longe daqui...


Saudades...
UM VAZIO ENORME.

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário

Receba atualizações no Email.

Pesquisar sobre

Quem sou eu

Minha foto
Aos 34 anos, sagitariana com ascendente em capricórnio (discordo, mas fazer o quê?!), do Rio de Janeiro (com louca vontade de morar num lugar tranquilo), estudante de psicologia (mas cheia de problemas de cabeça. rsrrsrsrs), mãe e pai da pequena Bia, de 5 anos. E esse blog fala da nossa trajetória, dos meus sentimentos, minhas muitas lamentações, etc.

Seguidores

Tecnologia do Blogger.